Moro dá mais 15 dias para PF fechar inquérito contra Bendine

Moro dá mais 15 dias para PF fechar inquérito contra Bendine

Juiz da Lava Jato atende pedido da Polícia Federal e estende investigação até 25 de agosto

Julia Affonso e Luiz Vassallo

10 Agosto 2017 | 17h20

Aldemir Bendine. Foto: FABIO MOTTA/ESTADÃO

O juiz federal Sérgio Moro esticou em mais 15 dias o prazo da Polícia Federal para concluir o inquérito que investiga o ex-presidente do Banco do Brasil e da Petrobrás Aldemir Bendine. O executivo está preso desde 27 de julho sob suspeita de ter recebido R$ 3 milhões em propinas da Odebrecht.

Documento

A decisão de Moro atende a um pedido da delegada da PF Renata da Silva Rodrigues. “Defiro o requerido e concedo prazo de mais 15 dias para conclusão do inquérito (até 25 de agosto de 2017). Alerto que não haverá nova prorrogação e é desejável que não seja utilizado todo o prazo”, determinou o juiz da Lava Jato.

Bendine ‘abstêmio’ diz à PF que garrafas de vinho foram ‘presente’

Bendine foi capturado na Operação Cobra, 42.ª fase da Lava Jato. O ex-presidente da Petrobrás está preso na Superintendência da Polícia Federal, em Curitiba.

OUTRAS DO BLOG: + PF aponta ‘série de irregularidades’ em Furnas

Lula livra Aécio

Bendine ‘abstêmio’ diz à PF que garrafas de vinho foram ‘presente’

Chefes do Ministério Público desafiam Gilmar a provar o que diz

Eduardo Paes vira réu por campo de golfe Olímpico

Ao pedir a extensão do prazo, a delegada Renata da Silva Rodrigues alegou que estão pendentes ‘os trabalhos periciais’. Segundo a delegada, ‘o farto material arrecadado em 27 de julho encontra-se sob processamento’.

“Desde então, material arrecadado continua sob processamento, sendo que até então foram produzidos os Laudos n° 1500/17, 1517/17 1520/17, sendo necessário, portanto, prorrogação de prazo para esgotamento dos trabalhos periciais”, registrou Renata da Silva Rodrigues.

“Encaminhe-se memorando ao exmo. DRCOR para que, caso possível, solicite ao SETEC/SR/PF/PR priorização nos trabalhos periciais referentes 42.ª fase ostensiva da Operação Lava Jato.”

Mais conteúdo sobre:

Aldemir Bendineoperação Lava Jato