Lula diz que ‘tem um cantinho’ para amigo Zé Dirceu

Lula diz que ‘tem um cantinho’ para amigo Zé Dirceu

Ex-presidente, preso na sede da Polícia Federal em Curitiba, lamentou decreto de prisão do ex-ministro, mas não perdeu o bom humor ao comentar com um de seus advogados, Wadih Damous, o fato de velho aliado ter de se apresentar no mesmo local

Ricardo Galhardo

17 de maio de 2019 | 17h19

FOTO DIGITAL: ED FERREIRA/AE

Preso há mais de um ano na Superintendência da Polícia Federal em Curitiba – desde 7 de abril do ano passado -, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva lamentou a ordem de prisão do ex-ministro José Dirceu, mas brincou com o fato de o correligionário ser levado para o mesmo prédio.

“O presidente Lula lamentou a prisão do José Dirceu mas fez uma brincadeira, coisa de amigo, dizendo que se Dirceu quiser tem um cantinho para ele”, disse o ex-deputado Wadih Damous (PT-RJ), que integra a defesa de Lula.

Dirceu está a caminho da PF em Curitiba onde deveria ter se apresentado às 16h.

Nesta quinta, 16, o Tribunal Regional Federal da 4.ª Região (TRF-4) negou recurso de Dirceu e a Justiça Federal em Curitiba determinou sua prisão.

Dirceu vai cumprir pena de 8 anos e 10 meses pela segunda condenação na Lava Jato.