Leia o novo estatuto da Caixa

Leia o novo estatuto da Caixa

Em meio a escândalos de corrupção e a saída de quatro vices após recomendação do Ministério Público Federal, banco aprova novas diretrizes de administração

Aline Bronzati, Broadcast

19 Janeiro 2018 | 17h04

Predio da Caixa Economica Federal. 21/08/03. Foto: RAFAEL NEDDERMEYER/AGENCIA ESTADO/AE

A Assembleia Geral Extraordinária (AGE) da Caixa Econômica Federal aprovou nesta sexta-feira, 19, em reunião, o novo estatuto do banco com novas regras para escolha e atuação de seus dirigentes. As regras também devem permitir, conforme a instituição, maior transparência nos processos decisórios e ainda prevê a criação de novos comitês estatutários.

Um dos pontos mais importantes aprovados no novo estatuto é o processo de escolha e destituição de dirigentes da Caixa. Essa responsabilidade, que antes estava nas mãos do presidente da República, passou para o Conselho de Administração do banco, que se manifestará depois do Comitê de Indicação e Remuneração. Antes, o governo fazia a indicação por indicação do Ministério da Fazenda e o consenso do Conselho de Administração da Caixa.

Documento