Leia a íntegra do voto do ministro Moraes que proíbe greve da polícia em todo o País

Leia a íntegra do voto do ministro Moraes que proíbe greve da polícia em todo o País

Tem repercussão geral decisão do mais novo integrante do Supremo Tribunal Federal, seguida pela maioria de seus pares na Corte máxima, na sessão de quarta-feira, 5

Julia Affonso, Luiz Vassallo e Fausto Macedo

12 de abril de 2017 | 12h25

Alexandre de Moraes, ministro do Supremo. Foto: Hélvio Romero/Estadão

Alexandre de Moraes, ministro do Supremo. Foto: Hélvio Romero/Estadão

O Supremo Tribunal Federal divulgou nesta quarta-feira, 12, a íntegra do voto do ministro Alexandre de Moraes no Recurso Extraordinário com Agravo (ARE) 654432, com repercussão geral reconhecida – julgado na quarta-feira passada, 5.

Na ocasião, o Plenário do STF reafirmou entendimento no sentido de que é inconstitucional o exercício do direito de greve por parte de policiais civis e demais servidores que atuem diretamente na área de segurança pública. A maioria dos ministros seguiu o voto do ministro Alexandre de Moraes, que será o redator do acórdão.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: