Leia a decisão de Rosa que põe Serra sob investigação

Leia a decisão de Rosa que põe Serra sob investigação

Senador tucano é alvo de inquérito no Supremo Tribunal Federal por suposto caixa dois de R$ 6 milhões da JBS

Beatriz Bulla, Rafael Moraes Moura e Luiz Vassallo

29 Agosto 2017 | 11h37

Ex-governador disse que sua atuação foi “anticartel, de defesa do estado e da população”. Foto: Evelson de Freitas/Estadão

O senador José Serra (PSDB-SP) passou, nesta segunda-feira, 29, a ser investigado no Supremo Tribunal Federal suposto por suposto caixa dois de R$ 6 milhões da JBS na campanha presidencial de 2010, delatado pelo empresário Joesley Batista. A autorização para abertura de inquérito foi dada pela ministra Rosa Weber, a pedido do procurador-geral da República, Rodrigo Janot.

Documento

COM A PALAVRA, JOSÉ SERRA

“O senador José Serra reitera que todas as suas campanhas eleitorais foram conduzidas dentro da lei, com as finanças sob responsabilidade do partido. E sem nunca oferecer nenhuma contrapartida por doações eleitorais.”

Mais conteúdo sobre:

José Serraoperação Lava Jato