Justiça começa ouvir testemunhas de defesa em Curitiba

Juiz Sérgio Moro inicia fase de depoimentos indicados por acusados da sétima fase da Lava Jato, que teve como alvo primeiro grupo de executivos do cartel da Petrobrás

Redação

25 Fevereiro 2015 | 12h59

Por Ricardo Brandt, enviado especial a Curitiba, e Julia Affonso

A Justiça Federal, em Curitiba, inicia na tarde desta quarta-feira, 25, os depoimentos de defesa das primeiras ações penais contra os empreiteiros acusados de corrupção na Petrobrás. Os processo envolvem também os ex-diretores de Abastecimento Paulo Roberto Costa e de Internacional Nestor Cerveró – no caso do pagamento de propina de navios-sonda.

Foto: Geraldo Magela/Estadão - 30.01.2006

Alberto Youssef. Foto: Geraldo Magela/Estadão – 30.01.2006

O juiz federal Sérgio Moro ouve hoje o depoimento de uma testemunha de defesa, Luis Schneider, indicada pelo doleiro Alberto Youssef, um dos réus do processo.

A ação penal de trata da acusação da força-tarefa da Lava Jato contra executivos da empreiteira Engevix – uma das 16 integrantes do cartel acusado de corrupção na Petrobrás.

Mais conteúdo sobre:

operação Lava Jato