Juiz da Lava Jato mandou PF entrar na casa de Cunha na Barra da Tijuca

Juiz da Lava Jato mandou PF entrar na casa de Cunha na Barra da Tijuca

Antes de pegar ex-presidente da Câmara em Brasília, nesta quarta-feira, 19, Polícia Federal monitorou residência do peemedebista no Rio

Ricardo Brandt, Fausto Macedo, Julia Affonso, Mateus Coutinho e Fábio Serapião

19 de outubro de 2016 | 14h29

IMG-20161019-WA0005

O juiz federal Sérgio Moro autorizou a Polícia Federal a entrar na residência do ex-presidente da Câmara Eduardo Cunha (PMDB-RJ), na Barra da Tijuca, no Rio. A decisão foi dada na terça-feira, 18, mas Eduardo Cunha só foi localizado nesta quarta-feira, 19, na Asa Sul, em Brasília, onde também possui residência. O peemedebista foi capturado por volta de 13h15.

A prisão de Eduardo Cunha foi decretada por Moro a pedido do Ministério Público Federal.

Mais conteúdo sobre:

operação Lava JatoEduardo Cunha