Innovare vai fazer seminário em Brasília para discutir reformas na Justiça

Prêmio busca incentivar iniciativas de magistrados em todo o País

Redação

24 Outubro 2013 | 23h46

O Instituto Innovare vai promover em novembro um seminário para discutir as reformas e inovações necessárias à Justiça do País.

Criado em 2004, o Innovare é uma das premiações mais respeitadas da Justiça brasileira.

O principal objetivo é identificar, premiar e disseminar iniciativas de magistrados, membros do Ministério Público Estadual e Federal, defensores públicos e advogados públicos e privados de todo o País que viabilizem a qualidade da prestação jurisdicional e a modernização da Justiça.

Em 2013, o Innovare criou um prêmio especial, coordenado pela pesquisadora da Universidade de São Paulo (USP) Maria Tereza Sadek também para profissionais e graduados de outras áreas, não apenas do Direito.

Este ano, dia 27 de novembro, o evento, no Centro de Convenções Brasil 21, em Brasília, terá a participação dos professores Eduardo Giannetti, Marcos Lisboa e dos ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) Gilmar Mendes e Ayres Britto, este já aposentado.

Para o presidente do Instituto Innovare, Sérgio Renault, o seminário é uma oportunidade para discutir todos os avanços já conquistados e o que ainda há para modernizar. “Temos frequentemente esta preocupação de estimular o novo e tornar antigos métodos mais ágeis, modernos, ou mesmo inová-los por completo”, disse Renault.

Para ele, “o objetivo é tornar a Justiça cada vez mais democrática e mais célere, sem perder o foco nas decisões”.

As inscrições para o seminário são gratuitas e já estão abertas pelo emailcontato@premioinnovare.com.br

 

 

Mais conteúdo sobre:

InnovareJustiçaMagistrados