EXCLUSIVO: Eliseu Padilha e Moreira Franco cobraram propina para irrigar campanhas do PMDB

Homens fortes do Governo Temer, ministros da Casa Civil e Secretário-Geral da Presidência, são citados na delação de Marcelo Odebrecht e outros cinco colaboradores