Entenda por que alguns vistos para Portugal estão caindo em exigências dos órgãos consulares

Entenda por que alguns vistos para Portugal estão caindo em exigências dos órgãos consulares

Cristina Maya*

03 de março de 2021 | 04h30

Cristina Maya. FOTO: DIVULGAÇÃO

Mudar de país pode ser uma decisão difícil, às vezes muito complicada e burocrática, mas com a pandemia esses problemas se intensificaram ainda mais. As exigências ao solicitar um visto para residir em Portugal estão confundindo os brasileiros que pretendem fazer as malas de vez para a Europa.

Antes da pandemia, inúmeros brasileiros solicitaram o Visto D7 para que pudessem morar legalmente em Portugal. Mas durante esses meses, as avaliações e aprovações de documentos ficaram paradas por conta da situação complicada em que o mundo está devido ao coronavírus.

Assim que as avaliações retornaram, a VFS Global, empresa responsável por fazer a captação de documentos para esses pedidos, além da exigência da apresentação de uma conta-corrente em Portugal, também um valor substancial depositado nessa conta.

Como vários dos pedidos datavam de meses atrás, essa nova exigência pegou vários brasileiros de surpresa. Para gerar ainda mais ansiedade, o prazo médio para a criação da conta e do depósito do montante exigido fosse efetuado em até 10 dias após o recebimento da comunicação da exigência.

Isso fez com que os brasileiros que haviam feito a solicitação corressem contra o tempo para se adequar às novas exigências e alguns preferiram desistir da tentativa por enquanto, já que o valor do montante exigido não seria arrecadado no tempo limite imposto pela empresa.

Com o fim do prazo dado para a regularização dessas pendências, o pedido de visto acaba constando como indeferido, fazendo com que a solicitação seja invalidada e o processo deva ser feito desde o início novamente. O ideal, nessas situações, é procurar por todas as informações necessárias para adquirir o visto de maneira legal, até mesmo entrando em contato com a VSF Global, que pode esclarecer os procedimentos necessários de forma completa.

*Cristina Maya é youtuber e criadora do Vamu Ver!

Tudo o que sabemos sobre:

Artigo

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.