Entenda como a tecnologia está impactando os setores de importação e exportação

Entenda como a tecnologia está impactando os setores de importação e exportação

Erika Faria*

20 de abril de 2021 | 03h20

Erika Faria. FOTO: DIVULGAÇÃO

O setor de importação e exportação continua sendo um dos mais movimentados, apesar dos problemas causados pela pandemia sobre a economia global. Para isso, o mercado se adaptou e passou a adotar tecnologias que pudessem melhorar a performance nesse momento. Nesse quesito, a inteligência artificial foi um dos fatores que mais aperfeiçoou os negócios, gerando dados consistentes sobre logística.

Startups que atuam neste segmento e oferecem essa tecnologia para empresas de todo o país vêm crescendo cada vez mais porque entregam uma ferramenta ao mercado que permite a visualização, de forma simples e intuitiva, de dados que podem ser utilizados para prospecção de negócios e outras soluções, como o rastreamento de carga em tempo real.

Com esta solução, é possível buscar algumas informações e projetar o cenário do setor por meio de notícias e atualizações, mas os dados são fundamentais para estratégias assertivas. Empresas podem visualizar informações sobre importação e exportação em fontes públicas de dados como o MDIC e o Siscori. Porém, para isso, é necessária a ajuda de um analista de dados. Com a compilação desses dados em uma plataforma de inteligência de mercado, o trabalho se torna muito mais simples. Por isso, a tecnologia é essencial.

Com base nessas informações também é possível realizar uma gestão estratégica de negócio. Os dados são gerados para que empresas possam utilizá-los de acordo com a demanda, mas as decisões podem ser tomadas em conjunto com a inteligência de mercado. Quem atua na exportação e importação pode fazer um bom uso dessas informações e encontrar o produto ideal para determinada região com base em precificação, porto de entrada e saída, entre outras questões.

É importante lembrar que, quando se trata de importação e exportação, os concorrentes estão presentes no mundo todo, portanto, as ferramentas que ajudam a entender e projetar o melhor cenário podem fazer toda a diferença.

Analisar as tendências e novidades visando os negócios, mesmo que não seja possível fazer um alto investimento de capital, é essencial para entrar em um setor competitivo. A partir desse movimento é possível fazer negociações mais vantajosas. A tecnologia também beneficia no momento de encontrar o melhor negócio para investir, uma vez que possibilita a busca por compradores com a utilização de termos e métodos de pagamento.

No ano de 2020, devido a pandemia, o mercado apresentou diversas mudanças com a alta de determinados produtos, em especial os necessários para a área da saúde. Mas 2021 começou com um balanço positivo. Vemos um crescimento no setor atualmente por conta do cenário econômico e projeções de negócios em outros países. Quem atua na importação tem mais chances neste momento.

*Erika Faria é product manager da LogComex

Tudo o que sabemos sobre:

Artigo

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.