Eleições 2018: PF conduziu 389 por infrações eleitorais e confiscou R$ 490 mil em dinheiro

Eleições 2018: PF conduziu 389 por infrações eleitorais e confiscou R$ 490 mil em dinheiro

Balanço da corporação, atualizado até as 20h deste domingo, 7, inclui abertura de 51 inquéritos para investigar supostas práticas de crimes durante o pleito

Fabio Serapião

07 Outubro 2018 | 21h12

Foto: Reprodução/Sindicato dos Delegados da Polícia Federal

A Polícia Federal conduziu 389 pessoas por ‘infrações eleitorais’ até às 20h deste domingo, 7, primeiro turno das Eleições 2018, segundo balanço divulgado pela corporação.

Além das conduções, a PF ainda registrou 220 termos circunstanciados relacionados a crimes eleitorais e instaurou 51 inquéritos policiais para investigar supostas práticas criminosas durante o pleito.

A PF também efetuou 160 apreensões ao longo deste domingo que resultaram em R$ 480 mil em dinheiro e bens capturados. Os dados são parte do balanço da atuação da corporação em apoio à Justiça Federal. A ação se repetirá no segundo turno.

No balanço, a PF também informou que continuará com as investigações sobre a disseminação de notícias falsas durante o primeiro turno.

Mais conteúdo sobre:

Polícia Federaleleições 2018