‘Ela acordou cega, desesperada’, diz nora de mulher que sofreu lesões graves após usar pomada modeladora para tranças

‘Ela acordou cega, desesperada’, diz nora de mulher que sofreu lesões graves após usar pomada modeladora para tranças

Karinne Moura detalhou no Twitter o drama da sogra que, domingo, 20, mergulhou na piscina e 'começou a ver tudo esbranquiçado'

Jayanne Rodrigues

21 de março de 2022 | 18h07

Atualização no dia 23 de março, às 11h06, para manifestação da marca Ômega Fix

No Twitter, uma denúncia contra a marca de produtos de beleza, Ômega Fix, viralizou no último domingo, 20. “Mergulhou na piscina, quando levantou e abriu o olho começou a ver tudo esbranquiçado”, escreveu Karinne Moura na publicação. Ela relatou que a sogra dela usou a linha de pomada para tranças na sexta-feira, 18. Um dia depois, quando tomou banho de piscina, teve uma lesão grave na região dos olhos. O caso aconteceu no Rio de Janeiro. Karinne disse que a sogra ainda cogitou ser reação ao cloro da água, mas a convenceu a ir ao hospital, pois havia visto casos semelhantes na internet.

Ela acordou cega, desesperada, gritando, porque não enxerga nada”, contou no post. Ela afirmou que os médicos informaram que a sogra dela queimou as retinas dos olhos. Por fim, Karinne finalizou alertando os internautas, e principalmente pessoas que costumam utilizar a pomada modeladora em crianças. “Gente, vamos compartilhar, alertar as pessoas ao nosso redor, porque é desesperador isso. Cuidado ao fazer isso em crianças, é muito perigoso!”.

No tweet, com mais de 70 mil curtidas, outras mulheres comentaram que após utilizar pomada modeladora de outras marcas, também enfrentaram reações parecidas com a que Karinne expôs. Uma delas disse que ficou com os olhos “embaçados, sentiu dor e ardência”. Mas apresentou melhoras depois que iniciou um tratamento específico para o caso. 

Uma das composições do produto, descrita na embalagem, é o hidróxido de sódio. Item que também está presente nas outras marcas citadas pelos seguidores. Ao longo da publicação, depoimentos e fotografias embasam a denúncia feita por Karinne. A maioria dos registros são de mulheres que apresentam olhos vermelhos e irritados.

Muitas pessoas criticaram os consumidores que usaram o produto e depois tiveram contato com água. Por outro lado, alguns seguidores, afirmaram que a responsabilidade é da marca por causa da falta de transparência. “Quando produtos desse tipo falam de evitar contato com os olhos é porque pode dar uma irritação, um incômodo, coisas assim. Não porque deixa a pessoa cega. Produto de cabelo nenhum deve ter esse risco”, comentou. 

A trancista Joy Joy Quintanilha compartilhou em sua página oficial do YouTube uma série de vídeos em que explica a gravidade das pomadas modeladoras. De início, ela destaca a popularidade do produto. “Ela [a pomada] facilitou a vida de muita gente”. No entanto, destacou os riscos da pomada. “Eu percebi que dava muita caspa, coçava muito”. E ainda alertou: “Eu vim aqui falar para vocês porque eu recebi relato de várias pessoas que não sabem porque fizeram tranças e foram parar no hospital”. 

COM A PALAVRA, ÔMEGA FIX

“Em nossos rótulos constam as informações adequadas de uso, cuidados e o contato do produto com os olhos. Lamentamos o ocorrido e com respeito aos nossos clientes e a Anvisa, os nossos produtos que já tinham informações de cuidado, será reforçada e atualizada.

Todas as pomada são feitas a base de água e com isso em contato com água , ele pode sim se desfazer. A pomada é um produto de grau 1: São aqueles que possuem propriedades básicas, as quais não precisam ser comprovadas inicialmente e não requerem informações detalhadas quanto ao seu modo de usar e suas restrições de uso. Assim como outros produtos inclusos em nosso cotidiano, como por exemplo: perfumes, esmaltes, cremes sem ação fotoprotetora. (Informações da avisa)

Asseguramos ainda que em nosso rótulo havia o número de processo junto a Anvisa, para assim concluir a regulamentação. E o andamento desse processo não implicava na distribuição do produto. E estaremos atualizando esse número de processo.

Aos nossos clientes trancistas, distribuidores e clientes finais informamos o reforço aos cuidados com o uso do produto em praia, PISCINA ou qualquer tipo de contato com outro produto químico.”

 

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.