Dois prédios do Tribunal Eleitoral são invadidos em SP

Imóveis em reforma, no coração da metrópole, ao lado da Secretaria de Segurança Pública, foram ocupados por integrantes do movimento Frente Luta Por Moradia

Redação

13 Abril 2015 | 14h37

Por Fausto Macedo, Felipe Resk e Julia Affonso

Dois prédios do Tribunal Regional Eleitoral de São Paulo (TRE-SP), localizados na região central, foram invadidos na madrugada desta segunda feira, 13, por cerca de 250 integrantes do movimento popular denominado Frente Luta por Moradia. Os imóveis estão passando por reformas para abrigar algumas unidades da administração do TRE. Segundo o tribunal, sua sede, na Bela Vista, não comporta mais todos os servidores.

VEJA VÍDEO DO LOCAL:

Cerca de 2 mil sem-teto da Frente fizeram uma série de invasões em todas as regiões da capital paulista entre a noite deste domingo, 12, e a madrugada desta segunda, 13. Ao todo, 16 imóveis foram ocupados, segundo afirma o movimento. A Polícia Militar confirma oito invasões.

Os prédios da Corte eleitoral invadidos ficam nas ruas Libero Badaró, 73/77 (6 andares), esquina com a José Bonifácio, 380 (7 andares). Durante esse período de reformas, o Tribunal mantinha serviço terceirizado de seguranças armados e 11 carros de sua frota no local, já retirados na manhã de hoje. Segundo o Tribunal, os seguranças foram dominados pelos invasores.

Os dois prédios, que já pertenceram à Justiça Federal, foram cedidos ao Tribunal Eleitoral pela União. Como são tombados, o Tribunal está aguardando autorização dos órgãos competentes para execução das reformas nas fachadas. Internamente, já houve a troca de pisos e trabalhos de impermeabilização.

O Tribunal informou que está “tomando as providências cabíveis” para a reintegração de posse. Segundo a Assessoria de Comunicação Social do TER, foram anotados relatos de arrombamento de portas e destruição de câmeras de vigilância.

Mais conteúdo sobre:

Frente Luta por MoradiaTRE-SP