‘Disciplina elevada… Polícia Federal’, ouve Bolsonaro da nova turma de 307 federais em juramento

‘Disciplina elevada… Polícia Federal’, ouve Bolsonaro da nova turma de 307 federais em juramento

Corporação formou nesta quinta-feira, 8, novos delegados, peritos criminais federais, agentes, escrivães e papiloscopistas que encerraram curso de formação na Academia Nacional de Polícia

Redação

09 de outubro de 2020 | 06h00

Solenidade de Encerramento dos Cursos de Formação Profissional para os cargos de Agente de Polícia Federal, Escrivão de Polícia Federal e Papiloscopista Policial Federal. Foto: Marcos Corrêa/PR

A Polícia Federal ganhou um reforço de 307 novos agentes nesta quinta-feira, 8. A cerimônia de formatura, na Academia Nacional de Polícia, a mítica escola dos federais situada em Brasília, contou com a presença do presidente Jair Bolsonaro, do ministro da Justiça e Segurança Pública, André Mendonça, e do diretor-geral da corporação, delegado Rolando Alexandre de Souza.

Diante das autoridades, os formandos entoaram o ‘grito de guerra’:

Uniforme preto estampando o brasão,
trajando a coragem, altivez e vibração

Princípios e valores
Norteiam a conduta
Prometo ser um forte e jamais fugir da luta

Honro a Academia pela nossa formação,
Preparando nossas vidas pro exercício da função

Raça, fibra, valor e união,
Agora estamos prontos pra cumprir nossa missão!!

Em nome da justiça, o valor que nos cingiu,
mostrando a nossa força em cada canto do Brasil!

Moral, garra, somados pra alcançar, o
respeito de um povo que nascemos pra guardar

Somos parte de uma tropa que é o orgulho nacional,
disciplina elevada… Polícia Federal!

Antes disso, o discurso da turma, escrito pelo formando Carlos Humberto Rios Mendes Júnior, foi lido pela oradora Luisa Scaramussa Antunes (assista acima a partir dos 9 minutos).

“Nós enfrentamos, somado a todo estresse físico, psicológico e intelectual de um curso de formação normal, a ameaça sempre constante da pandemia”, diz um trecho da fala. A homenagem, no entanto, logo emenda: “Quem nasceu para ser polícia, será polícia, simples assim. E polícia triunfa, meus amigos. (…) Não são as armas da Polícia Federal que a destacam. Não é o seu aparto tecnológico, suas viaturas, seu sistema de inteligência, não são suas delegacias, nem suas atribuições, ainda que únicas, o que destaca a Polícia Federal são seus policiais e os valores que eles compartilham”.

Tudo o que sabemos sobre:

Polícia Federal

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.