Desembargador compõe marchinha da Lava Jato

Desembargador compõe marchinha da Lava Jato

'Puxei a pena e veio uma galinha. Tem mais um preso, vê se adivinha!' - Wagner Cinelli, da 17.ª Câmara Cível, afirma que inspiração veio da fala de Teori Zavascki

Julia Affonso e Mateus Coutinho

23 de fevereiro de 2017 | 05h00

Foto: Reprodução/Clipe Pena de Galinha

Foto: Reprodução/Clipe Pena de Galinha

A Operação Lava Jato, que completa três anos em março, inspirou o desembargador do Tribunal de Justiça do Rio Wagner Cinelli De Paula Freitas, da 17.ª Câmara Cível, a compor uma marchinha a partir da fala do ex-ministro do Supremo Tribunal Federal Teori Zavascki – morto em um acidente aéreo em 19 de janeiro.

Certa vez, ao se referir à Lava Jato, Teori fisse que ‘na medida em que você puxa uma pena vem a galinha inteira’.

“Essa frase ficou martelando a minha cabeça e a marchinha nasceu”, explica o desembargador, que no ano passado lançou outra do gênero, a ‘Lava Lava’, na véspera do Carnaval. As informações foram divulgadas pelo site do Tribunal de Justiça do Rio.

Nesta quinta-feira, 23, a partir de 19 hs, a banda Urca Bossa Jazz lança no Centro Cultural do Poder Judiciário o clipe de animação ‘Pena da Galinha’ e propõe o debate ‘A sátira através da música – Carnaval, a crítica e o lúdico’.

Entre os debatedores estarão Wagner Cinelli, o músico e psicólogo Matheus VK e o magistrado e mestre em criminologia Alcides da Fonseca Neto

A letra de Cinelli diz: “Puxei a pena e veio uma galinha. Tem mais um preso, vê se adivinha!”

Em outro trecho, a marchinha faz referência a delações premiadas, instrumento muito usado na Lava Jato. “Se vai dar golpes por aí, muito cuidado, muita atenção. Pois uma pena puxa outra e ainda tem a delação.”

‘PENA DA GALINHA’

Puxei a pena e veio uma galinha

Tem mais um preso, vê se adivinha!

Puxei a pena e veio uma galinha

Tem mais um preso, vê se adivinha!

Ai, ai, Seu Cabral

De Portugal, uma lição

Só cuida do galinheiro

Quem não vai meter a mão

Puxei a pena e veio uma galinha

Tem mais um preso, vê se adivinha!

Puxei a pena e veio uma galinha

Tem mais um preso, vê se adivinha!

Se vai dar golpes por aí

Muito cuidado, muita atenção

Pois uma pena puxa outra

E ainda tem a delação

Puxei a pena e veio uma galinha

Tem mais um preso, vê se adivinha!

Puxei a pena e veio uma galinha

Tem mais um preso, vê se adivinha!

O país tava uma granja

Da maior dimensão

Agora o ladrão que quer galinha

Vai tomar canja na prisão

Puxei a pena e veio uma galinha

Tem mais um preso, vê se adivinha!

Puxei a pena e veio uma galinha

Tem mais um preso, vê se adivinha!

Autor: Wagner Cinelli.

Intérprete: Urca Bossa Jazz.

Cantor: Matheus VK.

Tudo o que sabemos sobre:

operação Lava Jato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.