Corregedoria investiga carnaval na Vara

Corregedoria investiga carnaval na Vara

Desembargador Cláudio de Mello Tavares manda apurar festinha de servidores fantasiados entre pilhas de processos de família; imagens dos foliões fervem nas redes

Alexandre Hisayasu e Julia Affonso

23 de fevereiro de 2017 | 16h52

carnavalvarafamilia2

carnavalvarafamilia

A Corregedoria do Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro abriu apuração sobre denúncia de que servidores de uma Vara de Família fizeram uma festinha de carnaval durante o expediente. Fotos divulgadas na rede social de uma das funcionárias do Tribunal mostram servidores fantasiados em uma sala tomada pelas pilhas de processos na quarta-feira, 22.

Em duas imagens, os funcionários foliões aparecem de Batman, Chapolin e Hulk. Uma funcionária está vestida de ‘bombeira’ e outros servidores vestem adereços carnavalescos. Nas mesas, há comes e bebes.
Em nota, o Tribunal de Justiça do Rio informou que o corregedor-geral da Justiça, desembargador Cláudio de Mello Tavares, ‘determinou a imediata apuração das circunstâncias em que foram feitas as fotos divulgadas em mídias sociais de funcionários de uma vara de família fantasiados’.

“Antes de tomar qualquer decisão, ele quer saber, entre outras coisas, se isso aconteceu durante o expediente e se o atendimento ao público foi afetado”, informa o Tribunal.

O desembargador mandou ainda fazer um levantamento ‘da produtividade daquela serventia’.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.