Coronavírus: limpeza de ambiente é tão importante quanto a das mãos

Coronavírus: limpeza de ambiente é tão importante quanto a das mãos

Claudio Acosta*

19 de março de 2020 | 13h48

Foto: Acervo Pessoal

Circula nas redes sociais um vídeo, supostamente dentro de alguma unidade médica, de uma funcionária lavando as paredes sob o argumento de estar higienizando o banheiro usando água do vaso sanitário. Ela mantém as luvas, aliás. Quando vi esse vídeo pensei: será que é possível imagens como essas, ainda mais em tempos de pandemia do Covid-19? Sim, é possível. Infelizmente.

São inúmeros os fatores que influenciam o trabalho dos profissionais de uma empresa. A temperatura do ambiente, a organização, o barulho, o espaço, como também, a limpeza e higiene do local de trabalho, exercem influência sobre a produtividade dos colaboradores.

Seja em casa, no trabalho, no transporte público ou no trabalho, é preciso tomar cuidados para se prevenir contra o coronavírus e também não espalhar o vírus para outras pessoas. Apesar do home office, em muitos locais há ainda profissionais que não podem fazer atendimento remoto. E é com esses a nossa maior preocupação. De nada adianta um galão de álcool em gel na mesa de trabalho se ela sofrer contaminação cruzada.

Higienizar objetos de uso comum com álcool líquido 70% e papel toalha são fundamentais, obviamente. Aliás, álcool líquido pode ser usado para limpar o chão e maçanetas de portas; mas limpar e desinfetar as superfícies frequentemente tocadas, como mesas de cabeceira, quadros de cama e outros móveis diariamente com desinfetante devem ser rotina –e não apenas em tempos de pandemia, mas eternamente, ressalto

Usar luvas descartáveis é outra medida fundamental. No banheiro, cuidado especial com o vaso sanitário: uma medida de água sanitária para nove de água é a dica, e limpar a tampa primeiro com uma escova, depois o interior e por último a própria escova.

A higiene refere-se a técnicas e métodos como limpeza, conservação e cuidados que quando implementados, evitam doenças. As pessoas passam horas seguidas no ambiente de trabalho, um único espaço pode ser dividido entre inúmeros profissionais e, por conta disso, implementar a higiene e seus métodos em tais locais é fundamental.

Vale lembrar que, assim que passar essa pandemia –e vai passar– um ambiente de trabalho limpo, além de favorecer a saúde e necessidades fisiológicas dos indivíduos (a base da pirâmide de Maslow), também beneficia o desenvolvimento e a alta performance da empresa.

Enfim, se seguirmos os conselhos de nossos avós, vamos longe e sãos: lavar bem as mãos, por aproximadamente 20 segundos, com água e sabão. Se o Covid19 é “protegido” por uma camada de gordura, nada melhor que água e sabão para destruir a proteção e assim inativar o vírus que ficará sem sua armadura e sem coroa.

Claudio Acosta, diretor da Maria Clean e membro BNI Premier*

Tudo o que sabemos sobre:

coronavírusálcool

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.