‘Como se ganha ou como se perde também tem relevância’, diz Moro sobre Coaf fora da Justiça

‘Como se ganha ou como se perde também tem relevância’, diz Moro sobre Coaf fora da Justiça

No Twitter, ministro comentou revés na Câmara, que aprovou MP de reestruturação dos Ministérios mas tirou de sua alçada o Conselho de Controle de Atividades Financeiras

Fausto Macedo e Julia Affonso

23 de maio de 2019 | 10h20

Ministro da Justiça, Sérgio Moro. FOTO: DIDA SAMPAIO/ESTADÃO

O ministro Sérgio Moro (Justiça e Segurança Pública) comentou no Twitter a decisão da Câmara que, nesta quarta, 22, aprovou a reforma que reestrutura os Ministérios de Bolsonaro, mas tirou de sua alçada o Conselho de Controle de Atividades Financeiras (Coaf), órgão de inteligência que rastreia movimentações atípicas e é fundamental para O enfrentamento da corrupção e organizações criminosas.

Moro disse que ‘lamenta a decisão da maioria da Câmara de retirar o Coaf do Ministério da Justiça’. O conselho deve retornar para o Ministério da Economia.

O ministro fez uma ressalva. “Faz parte da democracia perder ou ganhar.”

Segundo Moro, ‘como se ganha ou como se perde também tem relevância’.

Ele agradeceu aos 210 deputados que ‘apoiaram o Ministério da Justiça e Segurança Pública e o plano de fortalecimento do Coaf”.

Tudo o que sabemos sobre:

Sérgio Moro

Tendências: