Cocaína no café

Cocaína no café

Polícia Federal apreende 17 quilos do pó branco dentro de embalagens de grãos no Aeroporto Internacional de São Paulo que seriam embarcadas para Beirute

Pepita Ortega

19 de setembro de 2019 | 14h36

Polícia Federal apreendeu 17 quilos de cocaína no Aeroporto Internacional de São Paulo (Guarulhos/Cumbica) dentro de embalagens de café em grãos. Foto: Polícia Federal

A Polícia Federal apreendeu 17 quilos de cocaína no Aeroporto Internacional de São Paulo (Guarulhos/Cumbica) dentro de embalagens de café em grãos. Um investigado foi preso na madrugada desta quinta, 19.

Policiais federais fiscalizavam as bagagens despachadas por passageiros de voos internacionais e, por meio das imagens do aparelho de raio-x, desconfiaram do conteúdo de uma mala pertencente a um brasileiro de 48 anos de idade, que tinha como destino final Beirute, no Líbano.

Os policiais diligenciaram junto ao controle migratório, localizaram e detiveram o suspeito para que os acompanhasse na revista aos seus pertences.

Polícia Federal apreendeu 17 quilos de cocaína no Aeroporto Internacional de São Paulo (Guarulhos/Cumbica) dentro de embalagens de café em grãos. Foto: Polícia Federal

Na delegacia, a mala do passageiro foi aberta, momento em que foram encontrados, pelos peritos federais, pacotes de café em grãos contendo cocaína em pó cujo volume somou 17 Kg.

O suspeito, que não quis prestar informações aos policiais, foi preso por tráfico internacional de drogas. Ele será conduzido ao presídio estadual onde permanecerá à disposição da Justiça.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.