Casal de youtubers com 1,3 milhão de seguidores divulga nas redes ação de três ladrões que invadiram sua casa

Casal de youtubers com 1,3 milhão de seguidores divulga nas redes ação de três ladrões que invadiram sua casa

Casal mora em Mongaguá, na região da Baixada Santista

Maria Isabel Miqueletto

03 de novembro de 2021 | 11h15

O momento em que os três homens entram na casa. Foto: reprodução/YouTube

Um casal de youtubers usou as redes sociais para relatar que teve a casa invadida por três criminosos, em Mongaguá, no litoral de São Paulo, e diversos itens furtados. A invasão teria ocorrido na madrugada do último domingo, 31, e foi flagrada pelas câmeras de segurança, que mostraram a ação dos criminosos dentro da residência. O casal tem mais de 1,3 milhão de inscritos no YouTube e o vídeo em que mostram o crime já acumula mais de 100 mil visualizações.

Segundo o relato de Mayla Souza e Marllon Paiva, eles estavam em um evento em Cosmópolis, cidade vizinha, no momento da ocorrência, por volta de uma da manhã do último domingo. Após retornarem, encontraram a residência revirada e vários itens furtados

O vídeo gravado por Marllon mostra a bagunça deixada pelos ladrões: itens jogados em cima da cama e no chão no quarto, gavetas e armários revirados. Segundo o casal, foram levados perfumes, videogame, home theater, roupas, tênis e até um objeto inusitado: um masturbador. De acordo com Marllon, o item de sex shop é da Noruega e não está disponível no Brasil. Mayla argumenta que levaram por ser um objeto caro. “Eu usei só umas sete vezes”, lamentou, em transmissão ao vivo pelo Instagram.

Na mesma transmissão, Marllon conta que o casal vai diminuir a exposição nas redes sociais. “A gente é visado, toda hora tem olho em cima de nós. Nem todo mundo que nos segue é boa pessoa, infelizmente tem gente querendo fazer o mal. A gente vai ser mais reservado, filtrar mais por onde a gente anda, agora só acompanhado de segurança. A gente vai mudar de casa e não vamos filmar a fachada”, afirmou.

“A dor maior de um roubo não é a perda dos bens materiais e sim o trauma que a família fica. Levaram muitas coisas de nossa casa, mas o que mais me doeu foi levar a paz de minha família” afirmaram em uma publicação.

As imagens mostram duas pessoas pulando o muro na área da piscina, em seguida uma terceira também entra no terreno. As três estão com capuz e máscara. Eles circulam pelo entorno da casa, aparentemente analisando se havia alguém na residência, até arrombar uma das portas.

O casal afirma, também, que os ladrões entraram nos quartos com uma das facas da cozinha em mãos. “Imagina se tivesse alguém dormindo, não quero nem pensar nisso”, reflete Marllon, enquanto mostra a casa. Ao final do vídeo, o youtuber afirma estar procurando um condomínio para se mudar, por questões de segurança. “Eu batalhei pra conquistar isso tudo. Foi difícil pra mim, foi batalhado demais”, afirma, nas imagens.

“Resolvi filmar para mostrar que tem gente que chega para atrasar o nosso lado. A gente não filma, mas a gente ajuda gente que está precisando, e mesmo assim, fazendo o bem, estamos sujeitos a passar essas paradas”, conclui.

E manda um recado aos ladrões: “você que está assistindo esse vídeo e fez esse bagulho aí, você vai ser cobrado. Não estou falando da lei da Terra, mas da lei de Deus. Assim não anda para a frente. É por isso que você está nessa vida de ter que atrasar os outros”.

Tudo o que sabemos sobre:

Roubo

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.