Cão ‘Thor’ interrompe Alexandre durante sessão do TSE e arranca risadas dos colegas

Cão ‘Thor’ interrompe Alexandre durante sessão do TSE e arranca risadas dos colegas

Yorkshire começou a latir durante o voto do ministro, que brincou: 'Eu acho que ele não está concordando com a minha posição, fez uma advertência'

Redação

03 de dezembro de 2020 | 16h24

O ministro Alexandre de Moraes durante sessão do Tribunal Superior Eleitoral. Foto: Reprodução

O ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal, passou por uma situação inusitada na manhã desta quinta, 3, durante sessão do Tribunal Superior Eleitoral: seu cachorro, Thor, interrompeu a leitura de seu voto. O yorkshire de oito anos começou a latir ao lado do dono.

“Eu tive uma ligeira intervenção canina”, brincou Moraes, arrancando risadas dos colegas. “Eu acho que ele não está concordando com a minha posição, fez uma advertência”.

Devido à pandemia do novo coronavírus, os ministros passaram a adotar o regime de videoconferência em substituição às sessões plenárias presenciais. A mudança já proporcionou momentos curiosos a integrantes do Supremo, como a participação de Laura, neta do ministro Marco Aurélio Mello, que apareceu em uma sessão ao pedir chocolates ao avô.

Em setembro, o presidente da Corte, ministro Luiz Fux, apresentou a neta aos colegas pela chamada de vídeo.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.