Câmara de Birigui investiga a violenta cabeçada do vereador ‘Le’ em advogado

Câmara de Birigui investiga a violenta cabeçada do vereador ‘Le’ em advogado

Legislativo do município localizado a 507 quilômetros da capital paulista instaurou Comissão Processante para apurar se vereador do Republicanos quebrou decoro parlamentar ao agredir Milton Walsinir de Lima na terça, 11

Pedro Prata

20 de fevereiro de 2020 | 07h00

A Câmara de Birigui, no interior de São Paulo, abriu Comissão Processante para investigar conduta do vereador Leandro Moreira, o ‘Lê’ (Republicanos). A decisão foi tomada em sessão ordinária nesta terça, 18. A Comissão vai apurar uma violenta cabeçada que Lê desferiu contra o advogado Milton Walsinir de Lima, de 60 anos, na terça, 11.

O pedido de investigação por quebra de decoro parlamentar foi protocolado pelo próprio advogado.

A denúncia foi lida no início da sessão e aprovada por todos os 15 parlamentares votantes. Não votaram o presidente da Casa e nem o vereador alvo da acusação.

Em seguida, foram sorteados três entre os cinco blocos parlamentares que compõem a Câmara e, de cada bloco, um vereador para compor a comissão. Assim, a Comissão Processante será formada por Paquinha (MDB), Ferrari (DEM) e Eduardo Dentista (PT).

O ato da presidência da Casa sobre a constituição da Comissão deve ser publicado na edição desta quinta, 20, do Diário Oficial Eletrônico. A partir daí começa a ser contado o prazo de 90 dias para apuração dos fatos e apresentação do parecer.

Cabeçada

O circuito interno de segurança da Câmara de Vereadores de Birigui, município com 125 mil habitantes a 507 quilômetros da capital paulista, registrou o momento exato em que o vereador Leandro Moreira (Republicanos), o ‘Lê, dá uma violenta cabeçada no rosto do advogado Milton Walsnir de Lima.

No vídeo, Milton aparece conversando com um homem na recepção da Câmara Municipal. Os dois bebem algo.

‘Lê’ chega ao local e se dirige ao advogado, dedo em riste. Ele fala algo a Milton.

O vereador, então, lhe dá uma violenta cabeçada no rosto.

O advogado sente o golpe e cai.

Um homem que testemunhou a cena se aproxima e ajuda Milton a se levantar.

‘Lê’ ainda se aproxima e diz mais alguma coisa ao advogado.

Outro homem se aproxima e afasta o vereador.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.