Cães da Receita farejam cocaína em 287 pares de sapato e sandálias no aeroporto

Cães da Receita farejam cocaína em 287 pares de sapato e sandálias no aeroporto

Equipes de Repressão do Fisco fazem mais uma apreensão de droga no Aeroporto Internacional de São Paulo, em Guarulhos, desta vez em poder de um nigeriano que iria embarcar para Benin

Luiz Vassallo

28 de março de 2019 | 15h48

As Equipes de Repressão da Receita fizeram mais uma apreensão de cocaína no Aeroporto Internacional de São Paulo em Guarulhos/Cumbica com o uso de cães de faro. Na madrugada desta quinta, 28, durante inspeção de rotina em bagagens despachadas, os cães sinalizaram três malas pertencentes a um mesmo passageiro, um nigeriano.

No interior dos volumes, os fiscais encontram inúmeros pares de sapatos e sandálias, sendo que 287 deles ocultavam cocaína em seu interior, perfazendo o total de, aproximadamente, 6 kg da droga, informou a Seção de Comunicação Institucional da Receita.

O passageiro tinha como destino a cidade de Cotonou, no Benin. Ele foi conduzido à Polícia Federal do aeroporto.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: