Cadastramento biométrico obrigatório começa na segunda em sete cidades paulistas

Cadastramento biométrico obrigatório começa na segunda em sete cidades paulistas

Eleitores de Salmourão, Redenção da Serra, Dracena, Ouro Verde, Cajobi, Embaúba e Rinópolis que ainda não fizeram o cadastramento devem ficar atentos ao prazo de até 19 de dezembro para não ter o título cancelado

Redação

31 de outubro de 2018 | 05h10

FOTO: FELIPE RAU/ESTADÃO

Eleitores de Salmourão, Redenção da Serra, Dracena, Ouro Verde, Cajobi, Embaúba e Rinópolis que ainda não fizeram o cadastramento biométrico devem ficar atentos ao prazo para cadastrar as digitais.

A partir da próxima segunda-feira, 5, o procedimento passa a ser obrigatório nesses municípios, que totalizam 67.734 eleitores.

As informações foram divulgadas pela Coordenadoria de Comunicação Social do Tribunal Regional Eleitoral de São Paulo.

Até o momento, 100 municípios paulistas concluíram o cadastramento biométrico de seus eleitores.

Nestas sete cidades em que o cadastramento começa na segunda, 5, o eleitor deve fazer a biometria até o dia 19 de dezembro, sob pena de cancelamento do título. Quem já se cadastrou não precisa repetir o procedimento.

Para a revisão do cadastro, o eleitor deve agendar seu atendimento no site do Tribunal Regional Eleitoral de São Paulo e comparecer ao cartório com documento oficial de identificação com foto, título eleitoral, caso possua, e comprovante de residência que tenha no máximo três meses de emissão. O cidadão será fotografado, terá coletadas as impressões digitais dos dedos das mãos e a assinatura.

Tudo o que sabemos sobre:

eleiçõesbiometria

Tendências: