Bis da PF cerca outra vez empresa por captação ilícita de dinheiro e empréstimos

Bis da PF cerca outra vez empresa por captação ilícita de dinheiro e empréstimos

Empresa em Natal atuava sem autorização do Banco Central, prática pela qual já havia sido investigada em 2011

Pepita Ortega

28 de março de 2019 | 18h48

Operação Bis. Foto: Reprodução / Polícia Federal

A Polícia Federal deflagrou nesta quinta-feira, 28, a Operação Bis, que apura a atuação irregular de uma empresa de fomento mercantil em Natal. A atividade caracteriza crime contra o Sistema Financeiro Nacional.

Cerca de 20 policiais federais cumpriram três mandados de busca e apreensão expedidos pela 2.ª Vara da Justiça Federal.

Segundo a investigação, ao invés de operar adiantamentos financeiros, a empresa promove a captação de recursos de terceiros e concede empréstimos. A atividade é típica de instituições financeiras e não pode ser realizada sem autorização do Banco Central, informou a PF.

Os empresários já haviam sido investigados em 2011. Eles foram processados e condenados pela Justiça Federal.

O nome da operação faz referência ao fato de que os investigados continuam com a atividade criminosa.

Tudo o que sabemos sobre:

Operação BisPolícia FederalNatal [RN]

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: