Alfândega de Santos acha 399 quilos de coca em contêiner de óxido de ferro

Alfândega de Santos acha 399 quilos de coca em contêiner de óxido de ferro

Primeiro grande carregamento de drogas apreendido em 2017 no porto estava acondicionado em 14 bolsas e tinha a Bélgica como destino, mais uma vez

Fausto Macedo

11 de janeiro de 2017 | 11h39

Foto: Receita Federal

Foto: Receita Federal

Foto: Receita Federal

Foto: Receita Federal

Foto: Receita Federal

Foto: Receita Federal

Foto: Receita Federal

Foto: Receita Federal

RFB AlfSts Apreensão 2017-1-10 399Kg foto5RFB AlfSts Apreensão 2017-1-10 399Kg foto6

Foto: Receita Federal

Foto: Receita Federal

A Alfândega do Porto de Santos fez sua primeira grande apreensão de drogas do ano, na tarde desta terça-feira, 10. Foram encontrados 399 quilos de cocaína – peso bruto – dentro de catorze bolsas em um contêiner carregado com óxido de ferro.

Em 2016, a Receita Federal registrou apreensão recorde de cocaína no Porto de Santos, chegando a 10,6 toneladas, informou a Assessoria de Comunicação da Alfândega da Receita no porto de Santos.

O destino da droga encontrada nesta terça, 10, era o porto de Antuérpia, na Bélgica – rotineiramente, a Alfândega e a Polícia Federal localizam grandes carregamentos de cocaína no porto que seriam embarcados para o país europeu.

A droga estava escondida em um contêiner carregado com óxido de ferro acondicionado em ‘big bags’.Uma embalagem foi esvaziada e, em seu lugar, foram inseridas as bolsas.

Os auditores da Receita suspeitam do emprego da técnica criminosa conhecida por ‘rip-off loading’, na qual a droga é inserida em uma carga regular, sem o conhecimento do proprietário.

A droga apreendida foi entregue à guarda da Delegacia da Polícia Federal em Santos, que vai tentar identificar os traficantes.

Em 2016, a Receita Federal registrou apreensão recorde de cocaína no Porto de Santos, chegando a 10,6 toneladas.

Tudo o que sabemos sobre:

Receita FederalTráfico de drogas

Tendências: