‘A transparência e a prestação de contas à sociedade, esse é o meu compromisso com a República’, diz Torquato

‘A transparência e a prestação de contas à sociedade, esse é o meu compromisso com a República’, diz Torquato

Decisão do Conselho Nacional de Justiça ratifica liminar que atinge comarcas do Tribunal de Justiça do Estado

Luiz Vassallo e Julia Affonso

31 de maio de 2017 | 15h49

Torquato Jardim. Foto: AFP PHOTO / EVARISTO SA

O novo ministro da Justiça Torquato Jardim, empossado na tarde desta quarta-feira, 31, disse que ‘a transparência e a prestação de contas são o seu compromisso com a República’.

+ Leia mais notícias do Blog clicando aqui

Torquato assume a pasta estratégica, que detém controle administrativo da Polícia Federal – braço decisivo da Operação Lava Jato -, em meio à pior crise do governo Temer.

Ele vai ocupar a cadeira do deputado Osmar Serraglio (PMDB/PR) que caiu da Justiça e não aceitou convite para o Ministério da Transparência/Controladoria-Geral da União.

+ Defesa diz que ‘não sabe’ se Temer vai responder interrogatório da PF em 24 h

Torquato declarou que ‘reafirma as premissas do seu compromisso’.

“Revisitar a história como fonte de otimismo e confiança, perceber, conhecer e responder a contemporaneidade. Em tudo presente a lição do historiador romano, sem ódio, sem preconceito”, disse o novo ministro.

“Um ou outro são hoje barreiras do atraso a retardar a construção do bem comum e a prevalência democrática de interesse geral.”

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.