A instrução de Raquel contra as fake news

Leia a orientação da procuradora-geral aos Ministérios Públicos Eleitorais para a adoção de medidas contra crimes eleitorais e abuso de poder econômico

Redação

12 Outubro 2018 | 16h33

A procuradora-geral da República, Raquel Dodge, editou, nesta quinta, 12, uma instrução a órgãos do Ministério Público Eleitoral por combate às fake news.

No documento, ela pede a criação de medidas para responsabilizar envolvidos em ato de propaganda eleitoral irregular que crie ‘na opinião pública, estados mentais, emocionais ou passionais’, ‘faça apologia a guerra, a processos violentos para subverter o regime, a ordem política e social’, ou ‘incite atentado contra pessoa ou bens’, entre outras violências promovidas pelas fake news.

LEIA A INSTRUÇÃO:

Documento