YouTube passa a publicar checagens em resultados de busca
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

YouTube passa a publicar checagens em resultados de busca

Estadão Verifica é um dos parceiros de programa do YouTube para trazer informações mais contextualizadas e confiáveis aos usuários da plataforma

Estadão Verifica

26 de novembro de 2019 | 17h36

A partir desta terça-feira, 26, o Estadão Verifica passa a fazer parte de uma iniciativa do YouTube para trazer informações confiáveis e contextualizadas aos usuários da plataforma de vídeos. As checagens produzidas por nossa equipe e por outros parceiros do Google no Brasil passarão a aparecer em destaque junto aos resultados de pesquisas no site.

“Hoje, mostramos painéis de informações sobre tópicos propensos a teorias da conspiração em andamento”, informou o YouTube em texto publicado em seu blog. “Mas reconhecemos que algumas histórias nas notícias podem rapidamente se tornar alvo de desinformação e queremos oferecer contexto sobre esses tópicos também.”

Painéis de informações que mostram verificações de fatos de terceiros no YouTube. Foto: Divulgação/YouTube

Além do Estadão Verifica, terão verificações destacadas nas buscas do YouTube os seguintes veículos e iniciativas: projeto Comprova, Boatos.org, Aos Fatos, Agência Lupa, UOL Confere e AFP Checamos. O conteúdo de checagem também aparece em evidência no Google e no Google Notícias.

O YouTube vai inaugurar ainda painéis informativos sobre o financiamento de canais. A plataforma vai destacar quando o canal for de propriedade de uma empresa jornalística que receba recursos do governo ou de órgãos públicos. Essa informação será exibida na página de todos os vídeos daquele canal.

Tudo o que sabemos sobre:

youtubegoogle

publicidade

publicidade

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.