Postagens inventam frase de Dilma sobre segunda dose de vacina contra covid
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Postagens inventam frase de Dilma sobre segunda dose de vacina contra covid

Petista não disse que 'segunda dose deveria ser aplicada antes da primeira'; ex-presidente já foi alvo de outros boatos desse tipo

Thais Ferraz

02 de julho de 2021 | 13h50

É falso que a ex-presidente Dilma Rousseff (PT) tenha dito que a segunda dose da vacina deveria ser aplicada antes da primeira, já que é ela que garante a imunização. Circulam nas redes sociais publicações com uma declaração falsamente atribuída à petista sobre a vacinação contra a covid-19 em duas doses. Apesar de muitas pessoas terem compartilhado a frase em tom de sátira, outras ficaram em dúvida sobre a veracidade da citação.

Leitores solicitaram a checagem deste conteúdo por WhatsApp, (11) 97683-7490.

Uma imagem de Dilma circula nas redes sociais ao lado da seguinte citação: “se a segunda dose da vacina é a que garante a imunização, então deveriam dar a segunda dose primeiro”. Não há registros da frase nas redes sociais da ex-presidente ou em veículos de imprensa. A assessoria da petista confirmou que ela não fez a declaração, nem nenhuma parecida.

Com exceção da Janssen, que é aplicada em dose única, as demais vacinas contra a covid-19 disponíveis no Brasil devem ser tomadas em duas doses. A imunização completa ocorre cerca de duas semanas após a aplicação da segunda dose.

Não é a primeira vez que inventam frases falsas e atribuem a Dilma. No ano passado, o Projeto Comprova, do qual o Estadão Verifica faz parte, desmentiu uma postagem que atribuía a frase “Se o vírus veio da China e funciona, por que a vacina não funcionaria?” à ex-presidente.

A publicação também foi checada por Boatos.org e AFP.

publicidade

publicidade

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.