ONG usa imagem de Bolsonaro nu em campanha contra desinformação na pandemia
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

ONG usa imagem de Bolsonaro nu em campanha contra desinformação na pandemia

Batizada de “Verdade nua e crua”, a ação foi lançada pela entidade Repórteres Sem Fronteira, que defende a segurança dos jornalistas e a liberdade de imprensa

Cassia Miranda

22 de fevereiro de 2021 | 19h19

Uma montagem do presidente Jair Bolsonaro nu, coberto somente por uma placa que informa o número de mortes causadas pela covid-19 e o número de casos confirmados da doença no Brasil. Essa é a imagem que ilustra a campanha contra a desinformação do governo federal durante a pandemia, lançada nesta segunda-feira, 22, pela entidade Repórteres Sem Fronteiras, em parceria com a agência BETC Paris.

Imagen de Jair Bolsonaro nu ilustra campanha da ONG Repórteres Sem Fronteiras

Imagen de Jair Bolsonaro nu ilustra campanha da ONG Repórteres Sem Fronteira

Batizada de “Verdade nua e crua”, a ação busca reiterar a importância do jornalismo para garantir o acesso a informações confiáveis sobre a pandemia. A entidade defende que o uso da fotomontagem é uma forma “simbólica” de “confrontar” Bolsonaro com a realidade nua e crua dos fatos, “enquanto ele acusa a imprensa pelo caos instalado no País para desviar a atenção de sua desastrosa gestão da crise sanitária”.

“Essa campanha propositalmente chocante visa despertar as consciências a reagirem aos ataques permanentes do sistema Bolsonaro contra a imprensa”, afirmou Christophe Deloire, Secretário-Geral da RSF.

Com um total de 10.168.174 de casos confirmados e 246.504 óbitos em decorrência do novo coronavírus, o Brasil ocupa a terceira posição no planeta em número de doentes e a segunda em relação às mortes.

Pelas redes sociais, o presidente do PTB, Roberto Jefferson, criticou a campanha. “A ONG internacional Repórteres lançou uma campanha pela defesa do direito à ‘informação confiável’ no Brasil durante a pandemia. Mas a imagem da campanha é uma montagem com Bolsonaro nu. Defesa do direito à informação confiável com uma foto de mentira? Não dá mesmo pra confiar”, escreveu o aliado do presidente.

De acordo com a entidade, o Brasil ocupa a 107ª posição entre os 180 países incluídos no Ranking Mundial da Liberdade de Imprensa, publicado pela Repórteres Sem Fronteira.

O Palácio do Planalto foi procurado para comentar a campanha, mas não se manifestou.

 

 

Tudo o que sabemos sobre:

jair bolsonarofake news [notícia falsa]

publicidade

publicidade

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.