Vídeo em que Lula critica voto impresso é editado para parecer que petista estava sob efeito de álcool

Vídeo em que Lula critica voto impresso é editado para parecer que petista estava sob efeito de álcool

Gravação teve velocidade alterada para passar impressão de que ex-presidente arrastava as palavras

Alessandra Monnerat

06 de agosto de 2021 | 13h25

Um vídeo do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva teve a velocidade alterada para parecer que o petista estava sob efeito de álcool. A gravação foi editada para ficar mais lenta e dar a impressão de que Lula estava arrastando as palavras. No vídeo original, publicado em 21 de julho, ele fala em ritmo normal.

Leitores pediram a checagem deste vídeo por WhatsApp, (11) 97683-7490.

Lula não estava bêbado em vídeo que fala sobre voto impresso e Bolsonar

Na filmagem, Lula usa um agasalho azul claro do Corinthians e um fone de ouvido com microfone. Ele critica o presidente Jair Bolsonaro pelas ameaças quanto à realização de eleições no ano que vem. 

“Aí o Bolsonaro fala, ‘a lei do voto impresso, se não for impresso eu fui roubado, e também se eu perder não vou entregar a faixa’”, diz o petista. “Ninguém quer pegar a faixa de você, Bolsonaro. Sabe quem vai derrotar você? O povo brasileiro”.

Assista ao vídeo completo abaixo.

O mesmo truque de edição foi usado contra Lula anteriormente; em março, o Estadão Verifica mostrou que um vídeo em que o ex-presidente diz que estálivre para ajudar a libertar o Brasil dessa loucura que está acontecendo foi alterado para parecer que ele estava bêbado.

Antes de compartilhar vídeos que circulam nas redes, verifique se eles já foram compartilhados por fontes confiáveis de informação. Uma opção é usar a ferramenta de busca reversa de imagens para checar outros sites que publicaram o mesmo conteúdo. Aprenda a usar aqui.

O vídeo de Lula também foi checado por Fato ou Fake, Aos Fatos, Lupa e AFP.

publicidade

publicidade

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.