Justiça não tem indícios que confirmem boato sobre ‘mansão uruguaia’ de Lula
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Justiça não tem indícios que confirmem boato sobre ‘mansão uruguaia’ de Lula

Não houve denúncia formal relativa a propriedade em Punta del Este, que também não é citada em delações da Lava Jato

Alessandra Monnerat e Caio Sartori

14 de fevereiro de 2019 | 17h17

O ex-presidente Lula, que governou o País de 2003 a 2010, está condenado e preso pela Operação Lava Jato desde 7 de abril em Curitiba. Foto: Lalo de Almeida/The New York Times

Uma suposta nova propriedade oculta do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva tem sido alardeada no WhatsApp — dessa vez, o petista preso em Curitiba é acusado de ser dono de uma mansão em Punta del Este, no Uruguai. No entanto, não houve denúncia formal apresentada sobre esse caso e Lula não foi indiciado ou responde a processo criminal relativo a esse assunto.

A mensagem que circula no WhatsApp alega que a mansão uruguaia teria sido citada na delação do ex-ministro Antonio Palocci — porém, não há menção a isso nos termos de colaboração do petista divulgados a partir de outubro do ano passado (veja abaixo). Também não existe referência a propriedades no Uruguai na delação da Odebrecht.

Documento

Documento

Documento

Documento

A corrente de WhatsApp é acompanhada de um vídeo de uma emissora em espanhol — a mensagem diz que “já está passando em todos os jornais de lá (do Uruguai)”. A reportagem, na verdade, é de 2016 e repercute uma publicação da revista IstoÉ que informava que a força-tarefa da Operação Lava Jato investigava se a mansão de Punta del Este pertenceria a Lula. Mas, como dito anteriormente, a apuração ainda não resultou em denúncia formal.

Segundo a reportagem, a casa estaria registrada no nome do empresário do ramo de calçados Alexandre Grendene Bertelle. Ele nega que a mansão seja de sua propriedade, conforme diz em documento anexado à reportagem publicada.

O Estadão Verifica entrou em contato com o Ministério Público Federal (MPF) do Paraná, que comunicou apenas que não “confirma ou nega eventuais investigações em andamento”.

Diante disso, é possível afirmar que não há evidências suficientes que liguem Lula à mansão de Punta del Este.

Este boato também foi desmentido pelo E-Farsas e Boatos.Org.

Recebeu algum boato? Envie para o Estadão Verifica: (11) 99263-7900

publicidade

publicidade

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: