É falsa afirmação sobre foto que Glenn Greenwald ‘não quer que apareça’
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

É falsa afirmação sobre foto que Glenn Greenwald ‘não quer que apareça’

Imagem foi publicada pela primeira vez em 2016, inclusive pelo veículo do próprio jornalista, e tem sido reproduzida desde então por outras fontes

Paulo Roberto Netto

19 de setembro de 2019 | 14h58

É falsa a afirmação de que o jornalista Glenn Greenwald procure ocultar uma fotografia em que aparece com o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva. O link de um site compartilhado em redes sociais declara que o americano “não quer que apareça” a imagem com o petista, mas ela tem sido reproduzida desde 2016, inclusive pelo próprio Greenwald no The Intercept Brasil, site do qual é fundador.

Por meio de ferramenta de busca reversa de imagem, o Estadão Verifica localizou uma versão publicada em notícia de abril de 2016 no portal UOL, repercutindo uma entrevista concedida por Lula a Greenwald e publicada no The Intercept Brasil.

O jornalista americano Glenn Greenwald entrevista o ex-presidente Lula em abril de 2016, no Instituto Lula, em São Paulo. Foto: Ricardo Stuckert / Instituto Lula (08/04/2016)

A autora da foto é Laura Colucci, da Fireworx Media.

Outras imagens do mesmo dia, como a que ilustra esta verificação, feita pelo fotógrafo oficial de Lula, Ricardo Stuckert, também são reproduzidas desde 2016.

A entrevista do Intercept Brasil foi publicada no dia 11 de abril de 2016, no contexto do processo de impeachment contra a ex-presidente Dilma Rousseff (PT), os avanços da Lava Jato contra Lula e a cúpula petista e os escândalos de corrupção relacionados à Petrobrás.

Greenwald tem sido alvo constante de boatos e desinformações por seu envolvimento na publicação de diálogos vazados por hacker entre o ex-juiz Sérgio Moro e o procurador da República Deltan Dellagnol. Ao todo, o Estadão Verifica já desmentiu onze boatos relacionados ao jornalista.

Caminho da verificação. Para checar este boato, o Estadão Verifica utilizou as ferramentas de busca reversa TinEye, para localizar a cópia mais antiga da imagem na internet, e o Google Imagens para identificar sites de notícias que divulgaram a mesma imagem.

O resultado levou a reportagem aos sites do portal UOL e à entrevista publicada no The Intercept Brasil. O Estadão Verifica entrou em contato com o The Intercept Brasil para confirmar informações sobre o contexto da fotografia e o contrato entre o site e a agência Fireworx Media.

Este boato foi selecionado para checagem por meio da parceria entre o Estadão Verifica e o Facebook.

Tendências: