Para atacar ‘ideologia de gênero’, vídeo exibe boneco com roupa feminina; fabricante denuncia que é falso

Para atacar ‘ideologia de gênero’, vídeo exibe boneco com roupa feminina; fabricante denuncia que é falso

Empresa afirma que autores de peça enganosa colocaram vestido em outro brinquedo 'de forma maliciosa'

Victor Pinheiro

20 de outubro de 2021 | 18h00

É falso que a empresa de produtos infantis Cotiplás comercialize bonecas com órgãos genitais masculinos trajando vestidos. Em vídeo viral no WhatsApp, uma mulher filma uma boneca que teria sido presenteada à filha de seis anos de sua amiga. Ao remover o vestido, ela mostra que o brinquedo “tem piu-piu e tem o ânus” e atribui o produto à Cotiplás com base na etiqueta do acessório. Segundo a Cotiplás, o brinquedo não pertence à empresa. 

Em comunicado, a companhia afirma que não fabrica bonecas com as características físicas do produto representado no vídeo e é responsável apenas pela confecção do vestido. A marca afirma que o traje foi colocado de forma maliciosa em outra boneca para induzir consumidores ao erro e espalhar desinformação.

A gravação insinua que a empresa promove “ideologia de gênero” entre crianças. Como explica esta matéria do Estadão Verifica, trata-se de um termo pejorativo geralmente usado para se referir a debates sobre sexualidade e gênero.

“A Cotiplás lamenta profundamente a disseminação de notícias falsas a seu respeito, de modo que a diretoria executiva tomará todas as medidas cabíveis de investigação e punição dos verdadeiros responsáveis pela autoria e disseminação desta fake news”, diz a nota de esclarecimento.

Não há bonecas com o mesmo vestido no catálogo oficial disponível no site da empresa, mas é possível encontrar brinquedos da linha Baby Jr. Fofinha, da Cotiplás, com um vestido muito similar em lojas online de revendedores — há  pequenas diferenças na alça do acessório. 

Ainda assim, algumas características da linha Baby Jr. Fofinha, como a marca entre o nariz e a boca e a presença de um laço na cabeça, sugerem que o brinquedo fabricado pela Cotiplás é diferente do retratado no vídeo enganoso, embora as imagens de sites de vendas sejam ilustrativas. 

Este boato também foi checado pela Agência Lupa e o Boatos.org.

Leitores solicitaram a checagem deste conteúdo pelo WhatsApp do Estadão Verifica, 11 97683-7490.

publicidade

publicidade

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.