Roda mundo

Dora Kramer

02 de setembro de 2016 | 20h15

 

         Michel Temer não vai esquentar a cadeira presidencial por muito tempo quando voltar da China. Há várias viagens internacionais marcadas para este ano. Estados Unidos (ainda em setembro para a abertura da Assembleia Geral da ONU, em Nova York), Índia e Argentina são algumas das já confirmadas.

 

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.