“Vai trabalhar, vagabundo!”, gritam manifestantes pró-Moro a defensores de Lula

“Vai trabalhar, vagabundo!”, gritam manifestantes pró-Moro a defensores de Lula

Coluna do Estadão

10 de maio de 2017 | 16h41

 

Um grupo de manifestantes do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST) foi hostilizado enquanto caminhava pela Avenida Cândido de Abreu, em Curitiba, em defesa do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva. O petista presta depoimento ao juiz Sérgio Moro em processo da Lava Jato. Pessoas que estavam nos escritórios da região gritavam pelas janelas frases como  “Vai trabalhar, vagabundo!”, em reação à caminhada do grupo, que fechava o trânsito no momento. (Talita Laurino, colaboração para a Coluna do Estadão)

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.