Tucano entra com representação contra Favreto

Andreza Matais

08 Julho 2018 | 23h03

O deputado federal Carlos Sampaio (PSDB-SP) ingressou com representação contra o desembargador Rogério Favreto, do TRF-4, na corregedoria do CNJ. Favreto determinou hoje duas vezes a soltura do ex-presidente Lula na condição de plantonista. A decisão foi revertida pelo presidente do TRF-4, Thompson Flores.

O tucano questiona a ligação do desembargador com o PT. Favreto trabalhou no governo Lula e foi filiado ao partido por quase 20 anos. O deputado também diz que o desembargador tomou sua decisão pouco tempo depois do pedido de HC feito pelos deputados Paulo Pimenta e Waldir Damous, ambos advogados e filiados ao PT, e que a razão alegada – a pré-candidatura de Lula – não se sustenta. Lula já é pré-candidato há mais tempo.

A Coluna tentou, sem sucesso, contato com o desembargador. O espaço está aberto para manifestação. (Andreza Matais)