Tia Eron desliga celular e some mais uma vez

.

Igor Gadelha

09 de junho de 2016 | 21h30

Celso Russomanno passou todo o dia de hoje tentando falar com a deputada Tia Eron, voto que definirá o destino de Eduardo Cunha no Conselho de Ética. Não obteve sucesso. A correligionária, que já passou uma manhã inteira escondida, estava com o telefone desligado.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: