Temer não convida deputados do PSDB para jantar com tucanos

-

Coluna do Estadão

17 de agosto de 2016 | 23h11

Atualizada em 18/08 às 12h00

Foto: Marcos de Paula/Estadão

Foto: Marcos de Paula/Estadão

 

O presidente em exercício Michel Temer não convidou deputados do PSDB para reunião na noite desta quinta-feira no Palácio do Jaburu, o que causou mal-estar. Estão presentes os senadores Aécio Neves (MG), Tasso Jereissati (CE), Cássio Cunha Lima (PB), Aloysio Nunes (SP) e José Aníbal (SP). A reunião foi convocada depois que tucanos criticaram publicamente o ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, por concessões feitas em projetos do ajuste fiscal. “É um convite do presidente e convite se atende. A melhor forma de o PSDB ajudar o governo é estar sempre pressionando pelas reformas”, afirmou Aécio.

A ausência de deputados na lista de convidados foi percebida por um dos senadores que informou o Planalto. O líder do PSDB na Câmara, Antonio Imbassahy (BA), foi, então, chamado e participou do encontro.

Os deputados tucanos articularam com o Palácio as mudanças no projeto de renegociação de dívidas dos Estados que foram criticadas pelos senadores da sigla. (Andreza Matais e Daniel Carvalho)

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.