Temer convoca reunião de emergência em São Paulo

Temer convoca reunião de emergência em São Paulo

­­

Coluna do Estadão

19 de agosto de 2016 | 05h00

Foto: Dida Sampaio/Estadão

Foto: Dida Sampaio/Estadão

O presidente em exercício Michel Temer convocou para hoje, em São Paulo, uma reunião de emergência com os ministros Henrique Meirelles (Fazenda), Eliseu Padilha (Casa Civil) e Dyogo Oliveira (Planejamento), além dos presidentes do Senado, Renan Calheiros (PMDB), e da Câmara, Rodrigo Maia (DEM). Os congressistas receberam apenas a informação de que o tema é economia e que devem estar às 15 horas na sede do Banco do Brasil, que abriga o escritório da Presidência. O governo quer acertar estratégia para aprovar o ajuste fiscal. A Coluna do Estadão revela hoje que uma das iniciativas é não aprovar reajuste para ministros do STF, o que pode gerar um efeito cascata.

Os líderes do governo no Senado, Aloysio Nunes (PSDB), e na Câmara, André Moura (PSC), também foram “intimados” por Temer. Tucanos têm pressionado o presidente interino a não recuar de medidas amargas.

Apeado do Planejamento após se envolver em trama contra a Lava Jato, Romero Jucá (PMDB) continua influente. Ele também está entre os convocados. A reunião não constava da agenda de Temer, divulgada ontem.

Siga a Coluna do Estadão:
No Twitter: @colunadoestadao
No Facebook: www.facebook.com/colunadoestadao

Tudo o que sabemos sobre:

Venham todos

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.