Temendo manifestações, Congresso restringe acesso de carros e turistas

Luiza Pollo

29 de novembro de 2016 | 14h03

Com pautas de votação polêmicas na Câmara e no Senado, o Congresso Nacional restringiu o acesso de carros à chapelaria do prédio projetado pelo arquiteto Oscar Niemeyer. A Polícia Legislativa só autoriza carros de funcionários ou veículos identificados a descer até a portaria. No gramado, uma fita amarela delimita até onde turistas ou manifestantes podem chegar. O Senado vai apreciar nesta tarde a PEC do Teto enquanto na pauta da Câmara está prevista a votação do pacote de medidas contra corrupção. (Naira Trindade)

 

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.