TCU encontra novo prejuízo de US$ 33,8 milhões na compra de Pasadena

TCU encontra novo prejuízo de US$ 33,8 milhões na compra de Pasadena

.

Luiza Pollo

14 Março 2017 | 07h30

Foto: Agencia Petrobrás

Foto: Agencia Petrobrás

O TCU detectou um novo prejuízo, de US$ 33,8 milhões, na compra da Refinaria de Pasadena, no Texas (EUA). Auditores da Corte e o MP apontam pelo menos quatro ex-executivos da Petrobrás como responsáveis pelas perdas. Indicam também que a Astra Oil, ex-sócia no negócio, deve responder pelo débito.

Uma decisão sobre o caso será tomada pelo tribunal amanhã. Por outro lado, o TCU concluiu que outro prejuízo, de US$ 39,7 milhões, apurado em 2014, não ocorreu e, por isso, não deve ser cobrado. O negócio causou um dano ao Erário de US$ 800 milhões.

Siga a Coluna do Estadão:
Twitter: @colunadoestadao
Facebook: facebook.com/colunadoestadao

Mais conteúdo sobre:

Refinaria de PasadenaTCU