Tasso não consegue unificar PSDB do Espírito Santo

Leonel Rocha

30 de outubro de 2017 | 23h15

Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil

O presidente interino do PSDB, senador Tasso Jereissati (CE), não conseguiu evitar uma disputa interna na eleição do diretório estadual do partido no Espírito Santo. Na convenção marcada para o dia 11 de setembro vão concorrer dois grupos. Um encabeçado pelo prefeito de Serra, Max Filho, e outro liderado pelo vice-governador capixaba, Cezar Colnago. Em uma reunião agora à noite na liderança da bancada tucana do Senado, Tasso tentou fechar uma aliança e a apresentação de chapa única, mas nenhum dos concorrentes abriu mão.

Além dos dois candidatos à presidência do PSDB capixaba, participaram do encontro o senador Ricardo Ferraço e o ex-prefeito de Vitória Luiz Paulo Velozo Lucas. Pelo estatuto do partido, se a chapa derrotada na convenção estadual obtiver pelo menos 20% dos votos dos convencionais, terá direito a indicar o número de cargos proporcional ao apoio obtido na convenção.

Tendências: