STF atinge menor patamar de acervo processual desde 1988

STF atinge menor patamar de acervo processual desde 1988

Alberto Bombig

13 de setembro de 2019 | 06h00

 

Ministro Dias Toffoli, presidente do Supremo. FOTO: DIDA SAMPAIO/ESTADÃO – 13/9/2018

O acervo do STF registrou 35 mil processos em tramitação, o menor número desde a Constituição de 1988. A atual gestão, sob comando do ministro Dias Toffoli, atribui o resultado às “ações de modernização administrativa e o fomento à inovação tecnológica”.

Nos últimos 12 meses, o STF realizou 122 sessões: 78 presenciais, 41 virtuais e três solenes. Foram julgados 3.439 processos e proferidas 114,5 mil decisões, sendo 98,7 mil monocráticas e 16,2 mil colegiadas (88,3 mil finais).

A despeito das críticas do mundo político acerca de decisões monocráticas, o STF aumentou em 25% no último ano a quantidade de decisões colegiadas: 12.942 em 2017 contra 16.180 em 2019, conforme comparativo feito pela Coluna.

Tudo o que sabemos sobre:

Dias ToffoliSTF [Supremo Tribunal Federal]

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.