Sindicalistas dizem que votação da Reforma da Previdência mostrará ‘quem tem mais bala’

Sindicalistas dizem que votação da Reforma da Previdência mostrará ‘quem tem mais bala’

­­

Coluna do Estadão

16 de agosto de 2016 | 07h00

Foto: Dida Sampaio/Estadão

Foto: Dida Sampaio/Estadão

As centrais sindicais só terão acesso à proposta de Reforma da Previdência quando o texto final for enviado pelo governo ao Congresso. As divergências serão acertadas no voto. Sindicalistas não reclamam. Dizem que será a hora de ver “quem tem mais bala”.

O governo trabalha com duas datas. No final de agosto, o presidente em exercício Michel Temer conhecerá o texto. No mês seguinte, será o Congresso.

Siga a Coluna do Estadão:
No Twitter: @colunadoestadao
No Facebook: www.facebook.com/colunadoestadao

Tudo o que sabemos sobre:

Queda de braço

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: