Sépsis começou após ex-Hypermarcas contar que Funaro o apresentou a Cunha

Sépsis começou após ex-Hypermarcas contar que Funaro o apresentou a Cunha

-

Luiza Pollo

02 de julho de 2016 | 05h45

Foto: Dida Sampaio/Estadão

Foto: Dida Sampaio/Estadão

A Operação Sépsis começou a ser preparada depois do depoimento do ex-executivo da Hypermarcas Nelson Mello contando como Lúcio Funaro o levou para conhecer Eduardo Cunha.

Mello disse que se convenceu de que o destinatário final da propina era Cunha depois desse encontro.

Do mesmo jeito, investigadores garantem que Milton Lyra, outro lobista alvo da operação de ontem, também teria levado Mello a jantares com os senadores Renan Calheiros e Romero Jucá.

Siga a Coluna do Estadão:
No Twitter: @colunadoestadao
No Facebook: www.facebook.com/colunadoestadao

Tudo o que sabemos sobre:

Carta de referência

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.