Senador questiona se votação separada para Dilma pode beneficiar Cunha

Senador questiona se votação separada para Dilma pode beneficiar Cunha

­­

Coluna do Estadão

31 de agosto de 2016 | 13h02

Foto:Marcos Oliveira/Agência Senado

Foto:Marcos Oliveira/Agência Senado

O senador Omar Aziz (PSD-AM) fez questionamento sobre a situação do deputado afastado Eduardo Cunha  (PMDB-RJ), dado o precedente aberto por Ricardo Lewandowski de fatiar as votações contra Dilma Rousseff.

Aziz perguntou se, sendo separadas as votações da cassação e da inelegibilidade de Dilma, isso também poderá se repetir no caso de Cunha, que tem processo semelhante no Conselho de Ética da Câmara.

Lewandowski não quis comentar.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.