Senado vai gastar R$ 53,7 mil para comprar 17 tablets

Senado vai gastar R$ 53,7 mil para comprar 17 tablets

-

Coluna do Estadão

29 de julho de 2016 | 06h45

Foto: Ed Ferreira/Estadão

Foto: Ed Ferreira/Estadão

O Senado vai realizar um pregão eletrônico no dia 11 de agosto para comprar 17 tablets para os servidores que acompanham as reuniões da Mesa Diretora e do colégio de líderes. Prevê gastar R$ 53,7 mil com os aparelhos, que deverão ter garantia de 24 meses. O edital da concorrência justifica que a compra dos tablets facilitará que os servidores do Senado prestem aos senadores nas reuniões informações imediatas sobre projetos e pareceres em discussão. Só que, no primeiro semestre, o presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), chegou a decidir sozinho o que iria à votação sem reunir os líderes. E, no segundo semestre, tem eleições e Olimpíadas no meio.

Siga a Coluna do Estadão:
No Twitter: @colunadoestadao
No Facebook: www.facebook.com/colunadoestadao

Tudo o que sabemos sobre:

Reunião virtual

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.